sexta-feira, 12 de março de 2010

Nasce o juízo...

O danado resolveu, ali, nascer. Demorou mais de 37 anos para despertar. Todos afirmam categoricamente: o juízo chegou. Se o juizo chega causando este incômodo melhor seria viver desajuizadamente. Afinal, juízo em exagero é vida em “camisa de força”. Existência sem sonhos, essência sem ilusões. Fria e dolorida realidade. Trajetória sem emoções. Ai...e como fica no fundo aquela dorzinha latejante. O juízo é um senhor vestido de fraque. Formalidade em pessoa. Chega tão devagarinho. Sorrateiramente, sem alarde. Mas quando chega, fraqueia nosso ânimo. Agita nossos horizontes em turbulentas preocupações. Nascer ou não nascer, eis a questão. Nem Freud explica. Surge um friozinho aterrorizante. Um baita medo. O que é isso, Suzi?!, falo para mim mesma, advertindo-me sobre minha pouca coragem...hehe! Tens medo do juízo ou de perdê-lo?! Ou quem sabe os dois...beiro quase o desespero. Quanto drama, imagino. É, cabeça de mulher é assim, cheio de gavetinhas. Tentei ignorar o juízo. Mas nada feito. O princípio é o mesmo: a toda ação corresponde uma reação igual e contrária. Todavia, nem Newton dá jeito. Indiferença gerou rebeldia. O juízo não satisfeito com o pouco caso que lhe dispensei, achou por bem o seu próprio espaço buscar. Galgou lugar mais altaneiro. Junto ao céu. É bastante soberbo este senhor. Um petulante. Mal-educado, pois nem foi convidado para ali se instalar. Mas quem disse que disso tudo ele quer saber. Para ele meus lamentos, são chorumelas. Sou o próprio muro de Jerusalém..haha! Mas, sinceramente, quem não tremeria as pernas em semelhante situação?! Aturar o indesejado visitante não seria a melhor solução. É preciso tomar posição. Posição de combate para arrancá-lo do seu céu de brigadeiro. Desalojar o espaçoso. Mandá-lo para seu devido lugar. Abrir-lhe a porta da rua. E nem mesmo dele despedir pelo seu atrevimento. Onde já se viu o abusado incomodar?! Provocar dores de cabeça e até mesmo indisposição para as nossas refeições. Criando coragem ajuda procurar para deste embaraço me livrar. Profissionais aos montes. Competência não sei. Difícil adivinhar. Mas é preciso arriscar. Sem outra alternativa. Senhor juízo convido-o a se retirar. Educada mesmo querendo um pontapé lhe dar. Porém, o riso melhor é daquele que por último ri. Sorriso radiante quando nas minhas mãos o senhor, juizo, estiver. Com o dente do siso extraído minha alegria estará vestida com a jardineira lilás!

19 comentários:

  1. Como viver mais anos !
    Vá mais lugares,
    Abrace Mais amigos,
    Dance Mais,
    Diga menos nãos,
    Invente menos problemas,
    Coma mais sobremesas ,
    Pratique mais esportes,
    Ria mais de si mesmo,
    Vá mais ao cinema,
    Saia mais com os amigos,
    Cante mais,
    Plante uma árvore,
    Brinque mais,
    Tire mais fotos,
    Visite o céu ,
    Visite o fundo do mar,
    O topo de uma montanha!
    Beije mais,
    Abrace mais,
    Conte mais piadas,
    Se apaixone mais vezes,
    Mesmo que seja sempre pela mesma pessoa!

    (Laura Baptista Leite).

    Bom fim de semana pra vc.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Ana, um bom final de semana prá você também!!!
    Beijos no seu coração, :)

    ResponderExcluir
  3. uma vez li essa frase: "Não crio juízo porque não sei o que ele come!"
    rsrsrsr! linda postagem.

    bjs
    cintia

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Suzy,vim agradecer o comentário,mas cansei de ser ombro e marionete... Fácil usar a palavra "amigo".Pena não poder lhe contar uma história que vivi aqui na net.As pessoas entram em nossas vidas sem pedir licença(e nós tbem) e acha que por isso pode ir fazendo tudo.JUÍZO, é o que precisamos mesmo.
    Tô fora!!!Mas obrigada pelo comentário.
    Ótimo fim de semanEmilinha

    ResponderExcluir
  6. Hehehe...é mesmo Cintia, um beijão!! :)

    ResponderExcluir
  7. Bom dia, querida Emília!! Mesmo sem muita coisa compreender acredito em ti pois percebo uma alma boa e linda!! E vamos em frente!! Também lhe desejo um ótimo final de semana, obrigada pelos belos textos, belas mensagens que posta no seu blog. Fique com Deus!! :)
    Suzi.

    ResponderExcluir
  8. OLA SUZILEY, LINDISSIMO TEXTO...GOSTEI MUITO...QUE TENHA UM OPTIMO FIM DE SEMANA!!!
    BEIJOS DE AMIZADE,


    SUSY

    ResponderExcluir
  9. Oi, querida Susy, obrigada por sua visita e comentário. Um ótimo final de semana para você e sua família!!
    Beijos no seu coração, :)

    ResponderExcluir
  10. Minha amiga querida......
    Bom demais estar aqui!
    Desfrutar dos teus escritos é um presente!
    Beijo carinhoso
    Bea

    ResponderExcluir
  11. Suzy rsss...
    A d o r o você!!!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  12. Oi, Bea, querida, também gosto muito de passar pelo seu belo blog. Belas poesias!!
    Obrigada por sua visita e comentário, Bea. Bom final de semana, beijos, :)

    ResponderExcluir
  13. Ahuuuaaa..também te adoro menina querida!! Beijos no seu coração, Isis poetisa!! :)

    ResponderExcluir
  14. Juízo...nós temos mas as vezes tem de estrapolar...sorte e paz.

    ResponderExcluir
  15. Hehehehe...oi, Lisette, é mesmo...hehe!!
    Um beijão no seu coração, :)

    ResponderExcluir
  16. Obrigada Lelé Batita, beijos, :)

    ResponderExcluir
  17. Estou com 34 anos e o Juízo ainda não apareceu huahauhauha... as vezes sinto uma dor no local, a gengiva incha, porém tomo um anagésico e passa, espero ficar sem juízo mesmo!!!

    ResponderExcluir
  18. Hehehehehe...oi, Daniela!!! É isso aí, muito juízo não é recomendável..hahaha!! Tenha uma ótima semana, beijos, :)

    ResponderExcluir

Partilhe conosco o seu pensar e o seu sentir!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...