terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Ciúme e inveja...



Hoje, na leitura do jornal NH, deparei-me com um texto de uma estudante do ensino médio que me chamou a atenção. O texto prendeu o meu interesse não só pelo assunto em si mas também pela maneira simples e descontraída com que ela abordou o tema proposto. Gostei. Parabéns, então, Nathalia Cadó! Que continue a praticar a escrita. A crônica foi publicada, hoje, no  http://www.jornalnh.com.br/ 

 
Segue, então, o texto:

"Ciúme que destrói, inveja que mata


Na verdade, o ciúme é uma característica de todos nós, pois ele é simbólico e, em alguns casos, pode ser até divertido. Por exemplo, dizem que todo casal, para dar certo, precisa dele, o famoso e fabuloso que toda santa gente sente, vai dizer? E a inveja, além de ser um dos sete pecados capitais, não envolve apenas aquele desejo (ou até uma obsessão) de ser ou possuir o que é dos outros, mas a maldade, a ganância, o desrespeito e a falta de valorização de si mesmo entram na turma para querer acabar com a festa de qualquer um.

A grande diferença entre os dois é bem simples - ah, mas que atire a primeira pedra quem nunca sofreu um nó confuso na cabeça  por causa dessas duas palavrinhas tão parecidas. Primeiramente, quando é ciúme, a gente quer o que é nosso apenas para nós mesmos. A inveja é parecida, só que queremos ter o que é dos outros, tanto um objeto, uma fortuna, um bem, uma pessoa ou até ser elas mesmas! Credo, que falta de compaixão, hein?!

Também não é difícil encontrar uma pessoa invejosa pelos cantos: o que é dos outros nos chama atenção e atrai de um jeito louco, às vezes, não é? É tão imensa a vontade! Usamos nossa ganância para roubar a pessoa, imitá-la ou qualquer outra ação do tipo. Por fim, fazendo isso, acabamos nem nos dando conta de que perdemos totalmente o valor que tínhamos por nós mesmos. E o pior: que só conseguimos ser felizes cutucando e bisbilhotando o próximo.

Lógico, não pense que ciúme seja só às mil maravilhas; aquele pequeninho, básico que todo mundo tem até que passa. No entanto, se o ciúme se transforma em algo fora de controle, a todo tempo e instante, acaba por se tornar um problema sério. Consequências? Perder nossos amigos, pessoas que amamos. Brigas e discussões, muitas.

E, aí, tem algum ciumento ou invejoso lendo minha crônica agora? Então, meu anjo, passe a pensar que sendo assim, como disse e vou repetir, você está tendo uma falta de respeito enorme consigo mesmo. Deixe isso para lá, pense que muitos podem te invejar também. E para a galera do ciuminho, podem até continuar assim, mas aí só bem pouquinho, hein, senão pessoas legais vão se afastar, acredite! Ciúme e inveja, quer saber de verdade, ninguém merece!" (in "Jornal NH", Coluna Opinião, 18 de janeiro de 2011, Nathalia Cadó é estudante do ensino médio e blogueira do http://www.bahdigital.com.br/).

Um bom dia a todos!! : )

14 comentários:

  1. muito boa a crônica! e gostei principalmente do recado dado, pois no fundo o invejoso faz muito mais mal a si mesmo que aos outros.
    triste quando o ser humano opta por seu pior sentimento...
    bom dia, querida Suziley!

    ResponderExcluir
  2. ciúme excessivo atrapalha, muito mais ineveja... Bela crônica linda...

    Bom dia

    Bjuxxxx

    ResponderExcluir
  3. Oi amiga, saudações,

    Tudo o que nos fere a alma destroi as pessoas, precisamos tomar cuidado com os excesso e as maldades, isso só nos prejudica. Belíssima reflexão. Fique com Deus.
    http://jodedeus.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Ei Susy!
    Muito boa essa crônica heim! Gostei muito da parte que ela fala da diferença entre o ciúme, que a gente quer o que é nosso, e inveja, quando a gente quer o que é dos outros!
    Muito bom mesmo.
    òtima escolha.
    Gd beijo

    ResponderExcluir
  5. Olá, querida Syzi
    Gosto desse temas que nos acometem de vez em quando... para nos trabalharmos na humildade...
    Bjs de paz

    ResponderExcluir
  6. Excelente texto!!
    Gosto disso, da forma como você nos repassa tudo de bom que ve por ai rsrs

    ResponderExcluir
  7. Realmente ótima.
    Partilho das palavras do nosso amigo Alexandre, por que um ser humano exaltaria em si sua pior essência, será que não sabe que o mal a que propaga é o mal que cultiva por dentro?

    Beijos Suziley!

    ResponderExcluir
  8. É isso mesmo, Hamilton!! Um grande beijo no seu coração, querido amigo, bom dia, boa semana :)

    ResponderExcluir
  9. Hehehe...oi, Sol querida!! Um lindo dia para você, beijos no seu coração :)

    ResponderExcluir
  10. Oi, Rosélia querida:
    É sempre bom refletirmos e aprendermos sempre. Um grande beijo no seu coração, bom dia :)

    ResponderExcluir
  11. Oi, Gilmara:
    Eu também gostei do texto. Muito bom mesmo. Um grande beijo para você, bom dia, boa semana :)

    ResponderExcluir
  12. Oi, Jô querida:
    São boas reflexões mesmo. Um grande beijo no seu coração, fique com Deus e uma boa semana :)

    ResponderExcluir
  13. Bom dia para você, Carlos. Uma ótima semana, beijos no seu coração :)

    ResponderExcluir
  14. Oi, Alexandre:
    É isso aí! Ótima reflexão a sua, gostei. Um grande beijo no seu coração querido amigo. Uma ótima semana, bom dia :)

    ResponderExcluir

Partilhe conosco o seu pensar e o seu sentir!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...